Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A linguagem da bomba

por agb, em 14.04.17
Fonte: EUA lançam a sua maior bomba não nuclear no Afeganistão - Atualidade - SAPO 24

Voltámos à linguagem da bomba. Quando não se sabe usar as palavras usa-se as bombas, aqui sinónimo de armas, armamento. Sei que do lado islâmico também não há espaço para as palavras. É um diálogo de surdos, um remake do tempo das Cruzadas. No final, como sempre, quem se lixa é o mexilhão, para usar uma frase popular. Até ao dia em que o descontrolo ou a loucura de alguém nos derrote a todos. Já agora, o que tem a ONU a dizer sobre tudo isto? Não tenho ouvido a voz do Secretário-Geral, Dr. António Guterres. Talvez ele fale baixinho para ninguém o ouvir. O mais provável é a voz dele ser abafada pelos que têm voz grossa. Os tenores da política mundial. É isto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:54



Blogue de António Garcia Barreto

Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D